Início
Os seus direitos 
Como funciona
Sobre nós
Perguntas frequentes
Contacte-nos
Iniciar sessão
Sobre nós
Consiga uma indemnização de até 600 €
Quanto dinheiro
posso reclamar?
Detalhes do voo:
Não sei o meu número de voo
 

Início  Sobre nós

Sobre a Gate28 - Reclamações por voos atrasados e cancelados

A Gate28 foi criada em 2015 com vista a defender os direitos dos passageiros contra as transportadoras aéreas na Europa. Temos ajudado milhares de passageiros com a sua reclamação por atraso do voo ou cancelamento, conseguindo até 600 € por pessoa. O nosso serviço é rápido e seguro: apenas cobramos se ganharmos o caso.

Apenas 5,4 % dos passageiros afetados por voos cancelados, atrasos ou recusa de embarque conhecem os seus direitos e reclamam a devida indemnização pelos atrasos dos voos até três horas. A maioria não acredita ser possível obter uma indemnização pelo atraso do seu voo por parte das transportadoras aéreas.

A nossa missão

Queremos garantir que os passageiros conhecem os seus direitos e oferecemos um serviço rápido, eficaz e seguro. A Gate28 serve de ponte entre os passageiros e as transportadoras aéreas

A Gate28 executa com sucesso as reclamações por voos atrasados ​​e cancelados. Se for necessário, levamos a tribunal a transportadora a fim de reclamar a indemnização e não cobramos o serviço até o caso estar concluído com sucesso. Trabalhamos à comissão, só ganhamos se o passageiro ganhar. 

Direitos dos passageiros

O Regulamento 261/2004 da UE estabelece que os passageiros têm direito a uma indemnização de até 600 € por voos atrasados e voos cancelados e ainda por recusa de embarque sem justa causa.

Acordo com a EUClaim

A Gate28 utiliza a rápida calculadora de indemnizações dos especialistas em reclamações para atrasos de voos da EUClaim. Graças a ela, poderá descobrir instantaneamente qual o montante da indemnização a que tem direito.

A Gate28 tem acesso à enorme base de dados da EUClaim, com milhões de voos e informações meteorológicas e sociopolíticas recolhidos e registados diariamente para que possam ser utilizados em futuras reclamações por atrasos de voos.

Nós dispomos de informações mais detalhadas e relevantes sobre o movimento de voos, boletins meteorológicos e greves do que qualquer autoridade nacional, agência de arbitragem ou as próprias transportadoras aéreas. Esta riqueza de informação permite à Gate28 fazer frente às transportadoras quando estas apresentam razões como «circunstâncias extraordinárias» para evitar o pagamento de indemnizações.

Um serviço valioso e empenhado

Queremos assegurar-nos de que todas as pessoas com direito a uma indemnização pelo atraso do seu voo têm acesso a um serviço no qual podem confiar, que se encarregue de forma eficaz de todo o processo junto da administração e dos tribunais e que as informe regularmente online sobre a sua reclamação individual.

Serviços jurídicos especializados

Se tem direito a receber uma indemnização pelo atraso ou cancelamento do seu voo, recorreremos aos tribunais para consegui-la. Na Gate28 trabalhamos com uma equipa de peritos jurídicos e pessoal altamente qualificado em reclamações aéreas por forma a acelerar todo o processo. Assumimos todas as despesas, incluindo aquelas associadas ao requerimento e só cobramos comissão se ganharmos o seu caso. 

Leia as nossas notícias aqui:
Conheça os seus direitos de passageiro
De acordo com a legislação da UE, pode receber até 600 € por passageiro, independentemente do preço do seu bilhete.
Como funciona?
Passo 1. Diga-nos o seu número de voo
Indicar-nos o seu voo e os seus dados demora um minuto.
Passo 2. Ponha-se à vontade
Deixe que a Gate28 negoceie com a transportadora aérea e a leve a tribunal, se for caso disso.
Passo 3. Cobre a sua indemnização
O montante a que tem direito será diretamente depositado na sua conta*.

Só terá de nos pagar se ganharmos o seu caso. Cobraremos uma comissão de 30 % sobre o valor da sua indemnização.
Tem perguntas?
Se tem alguma dúvida sobre como reclamar, sobre Gate28, sobre a nossa política de só cobrar ao ganhar cada caso ou sobre o regulamento da UE EC 261/2004, Visite a nossa secção de perguntas frequentes.
Ou contacte-nos.
Siga-nos: